Ministério da Saúde irá ampliar em R$ 100 milhões recursos para compra de medicamentos

13/04/2017

Ministério da Saúde irá ampliar em R$ 100 milhões recursos para compra de medicamentos 

O Ministério da Saúde vai aumentar em R$ 100 milhões os recursos destinados para estados e municípios na compra dos medicamentos do Componente Básico da Assistência Farmacêutica. 

Os fármacos são destinados às doenças mais prevalentes e prioritárias da Atenção Básica do Sistema Único de Saúde (SUS) e são adquiridos com contrapartida financeira estadual e municipal. Com o acréscimo de fundos que foi possível após a definição da Comissão Intergestores Tripartite (CIT), o valor enviado mensalmente para a compra passará de R$ 5,10 R$ 5,58 por habitante.

O CIT reúne representantes de estados, municípios e governo federal para o fim do financiamento do Ministério da Saúde para as 393 unidades próprias do programa Fármacia Popular a partir da competência de maio de 2017.

Os estados e municípios possuem autonomia para dar continuidade às farmácias, provendo o financiamento completo ou com parte dos valores transferidos, caso julguem adequado. O importante é que a população não ficará desamparada, uma vez que os pacientes continuarão a receber os medicamentos necessários pela atenção básica dos municípios.

Fontes: Portal da Saúde com informações do Ministério da Saúde.